Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Mais Notícias > Campus Ifap Laranjal do Jari oferece 120 vagas para ingresso por meio do Sisu
Início do conteúdo da página

Campus Ifap Laranjal do Jari oferece 120 vagas para ingresso por meio do Sisu

Publicado: Terça, 22 de Janeiro de 2019, 15h27 | Última atualização em Sexta, 25 de Janeiro de 2019, 12h08

 

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Ministério da Educação, que permite disputar vagas abertas nos cursos de graduação de instituições de todo o Brasil vinculadas ao sistema, está com período de inscrição aberto de hoje (22) até o dia 25, próxima sexta-feira. Os interessados em ingressar no ensino superior em um dos cursos de graduação ofertados pelo Instituto Federal do Amapá (Ifap) de Laranjal do Jari devem fazer sua inscrição pelo site sisu.mec.br, utilizando, para isso, as notas do Enem – Exame Nacional do Ensino Médio do ano de 2018.

O Ifap de Laranjal do Jari é, atualmente, a única instituição do município a oferecer formação superior gratuita na modalidade regular presencial e à distância. Neste ano, estão sendo ofertadas 40 vagas por turma, no turno da manhã, para os cursos de Licenciatura em Ciências Biológicas (duração de 8 semestres), Bacharelado em Administração (duração de 8 semestres) e Tecnologia em Gestão Ambiental (duração de 6 semestres).

Os cursos

O licenciado em Ciências Biológicas é capaz de construir projetos que relacionam a biologia com o cotidiano do aluno, de forma a incentivar o seu interesse por esta área do conhecimento, realizar atividades de pesquisa e aprendizagem continuada, elaborar propostas de ensino-aprendizagem de biologia para a educação. É um profissional consciente da necessidade de atuar com qualidade e responsabilidade em prol da conservação e manejo da biodiversidade, de políticas de saúde, meio ambiente, biotecnologia, bioprospecção, biossegurança, na gestão ambiental, tanto nos aspectos técnicos-científicos quanto na formulação de políticas, e de se tornar agente transformador da realidade presente, na busca de melhoria da qualidade de vida, entre outras aptidões.

No mercado de trabalho, está habilitado a atuar na Educação Básica e na Educação Profissional, principalmente no caso do Ensino Médio Integrado, tanto do setor público quanto do privado, ou em quaisquer outros locais onde seja necessário o ensino aprendizagem de Ciências e ou Biologia.

Já o bacharelado em Administração desempenha funções estratégicas em organizações de pequeno, médio e grande porte, em qualquer setor da economia. Pode também atuar como autônomo, prestando consultorias e administrando o seu próprio negócio. Sua formação passa pelo estudo de matérias em diferentes áreas do conhecimento, o que torna o seu mercado de trabalho muito amplo. O curso forma profissionais para gestão empresarial, pública, logística, marketing, produção, serviços, recursos humanos e finanças.

No mercado de trabalho, esse profissional está habilitado a lidar com estatísticas, números, planejamentos e relacionamentos, tendências de mercado, situação da concorrência, legislações relacionadas ao setor e ao público alvo, economia nacional e global, além de muitos outros assuntos que fazem parte do mundo da administração.

O tecnólogo em Gestão Ambiental está apto ao planejamento, gerenciamento e execução de atividades de diagnóstico, proposição de medidas mitigadoras e de recuperação de áreas degradadas. Este profissional também pode coordenar equipes multidisciplinares de licenciamento ambiental, elaborar, implantar, acompanhar e avaliar políticas e programas de educação ambiental, gestão ambiental e monitoramento da qualidade ambiental. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.

O campo de trabalho do graduado de Tecnologia em Gestão Ambiental está no planejamento, desenvolvimento de projetos, assessoramento técnico e consultoria em empresas dos ramos industrial, comercial e de serviços, propriedades rurais e em empreendimentos da agricultura familiar, assim como em organizações não-governamentais, órgãos públicos, institutos e centros de pesquisa, instituições de ensino, mediante formação requerida pela legislação vigente.

Como concorrer 

No site do Sisu, o interessado informa o número de inscrição do Enem 2018 e a senha mais atual cadastrada no Enem. Caso tenha perdido o número de inscrição ou a senha no Enem de 2018, deve recuperá-los na própria página do Enem, em campo específico. Não podem disputar vagas no Sisu “treineiros”, que realizaram o exame somente como forma de autoavaliação. Também é necessário para concorrer às vagas que a nota na redação tenha sido diferente de zero.

As notas do Enem 2018 foram divulgadas no último dia 18, pelo MEC. O acesso aos resultados se dá pela Página do Participante, no endereço enem.inep.gov.br/participante, com a inclusão do CPF e da senha cadastrada. A nota do Enem só pode ser consultada individualmente. Neste primeiro semestre de 2019, estão sendo ofertadas pelo Ifap em todos os campi do Amapá, 600 vagas em 15 cursos superiores, entre licenciaturas, bacharelados e tecnólogos. No site do Sisu é possível escolher duas opções de curso. Quem teve melhor pontuação no Enem tem mais chances de conquistar a vaga.

 

Por Keila Gibson, jornalista do campus Laranjal do Jari

Instituto Federal do Amapá (Ifap)
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Twitter: @ifap_oficial
Facebook:/institutofederaldoamapa

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página